Qualidade de Vida e Autoestima



No mundo das relações sociais Qualidade de Vida pode se manifestar em sentimentos com os outros e consigo. Amar as pessoas é bem possível na medida em que nos amamos, em uma relação de autoestima. Da mesma forma, tratando de relações, paisagens, plantas ou o convívio com os animais podem ser vistos de diferentes formas, manifestando diversas belezas, a depender do apreciador, a depender de quanto este gosta de si e da ideia que constrói daquilo que vê.

Autoestima é uma grande conquista para abrir-se ao mundo vivo e inanimado, com todo o potencial de felicidade que as relações possam trazer. Como, chegar a qualquer lugar e sorrir para as pessoas, conhecidas ou não, se entusiasmar com a beleza do brotamento da árvore, ou com o florescimento do pequeno arbusto, com o afagar do bichinho em casa que nos aguarda com alegria, assim como, com o encantamento de um quadro traduzindo sentimentos nossos e de quem o pintou assim interpretados, entre diversas versões da construção em vida.

A interação Qualidade de Vida e autoestima torna-se clara na forma como as soluções surgem, na capacidade da compreensão de fatos que antes pareciam alheios e de difícil entendimento. Buscar caminhos para serem trilhados nessa conquista e trazer para si essa responsabilidade é o primeiro passo para nos amarmos e sabermos como somos e como queremos ser, aprendendo sempre.

Exemplificando a descoberta do sentido da autoestima em uma atividade de equilíbrio corpo e mente, apresentamos o relato de Natália Martins, professora de Pilates do VidAtiva – Movimento e Bem-estar, ilustrando os benefícios desta conquista.


Pilates: Qualidade de Vida e Autoestima

Por Natália Martins

Fisioterapeuta, instrutora de Pilates no VidAtiva-Movimento e Bem-estar


A prática do Pilates incentiva a vontade de aprender e viver, proporcionando melhor qualidade de vida.


Autoestima pode ser entendido como nos enxergamos, expressando o respeito que temos por nós e o quanto nos queremos bem, com reflexo nas situações nas quais nos apresentamos e nas decisões que tomamos.

Com os passar dos anos, a falta de estímulos ao nosso corpo, a correria do dia a dia, o nível de stress acumulado, acabam nos causando vários problemas como tensões, dores, inflamações, o que por consequência, nos levam a uma baixa autoestima, nos fazendo desacreditar na capacidade de alcançarmos nossos objetivos.

O Pilates vem com grande força no combate a esses problemas do nosso cotidiano, com uma série de atividades que resultam no equilíbrio entre mente e corpo.

Aprendemos a conhecer o nosso corpo, ter controle sobre nossas possibilidades e limites, resgatando e potencializando a consciência corporal, adquirindo movimentos mais eficientes e seguros, ganho de equilíbrio, aumento da concentração, exercícios para a mente e equilíbrio interno, aproveitamento do potencial do movimento, além de desfrutarmos de cada sensação proporcionada nas aulas, sentindo o prazer do alongamento, bem estar e relaxamento.

Certamente, a autoestima é fortalecida com os resultados no alívio das dores, na capacidade de controle dos movimentos e na clareza do papel de cada músculo na sustentação do corpo com resultados expressivos no bem estar global, com o reconhecimento dos desdobramentos dessa atitude para a condução de uma vida feliz.

Apresentamos alguns depoimentos de praticantes de Pilates em seu tempo de experiência na prática, reforçando os reflexos da autoestima na melhoria da qualidade de vida.


Aluna Carla Padrão realiza Pilates há quatro meses.

“Depois de uma gravidez de gêmeos sentia muitas dores nas costas. Claro, afinal carregar duas crianças na barriga e depois nos braços não é nada fácil.Com o Pilates estou adquirindo controle muscular, equilíbrio, controle da ansiedade, concentração e principalmente melhora na autoestima, além de claro melhorar absurdo minha escoliose” – diz Carla.


Aluna Márcia Cristina Oliveira pratica Pilates há sete meses

“Com Pilates ganhei qualidade de vida e autoestima, pois não sinto mais as dores que me acompanhavam dia a dia” – diz Marcia.


Caio B. Maroso realiza Pilates desde agosto de 2016


Isis Rodrigues pratica Pilates desde 2012


“A prática do Pilates proporciona, além dos benefícios para o corpo em movimento e mente tranquila, o suporte para vivenciarmos bem as várias fases da vida pelas quais passamos, com diferentes perspectivas de conquista. Suporte garantido pela autoconfiança e autoestima que o Pilates estimula” - diz Isis.


“Um bom condicionamento físico é o primeiro requisito para a felicidade. Nossa interpretação da boa forma física é a obtenção e a manutenção de um corpo desenvolvido uniformemente com uma mente sadia, totalmente capaz de realizar natural, fácil e satisfatoriamente nossas numerosas e variadas tarefas diárias, com espontaneidade e prazer. Para alcançar as mais altas realizações dentro de nossas capacidades em todos os momentos da vida precisamos constantemente nos esforçar para adquirir corpos fortes e saudáveis e desenvolver nossas mentes até o limite de nossa habilidade. Este mundo de progresso muito rápido, em que as pessoas estão sempre correndo mais e mais contra o tempo para atender às demandas da vida, força-nos a estarmos sempre bem-condicionados e atentos, para que tenhamos sucesso na competitiva corrida sem fim que permeia aqueles que procuram conquistar, mas deixa para trás aqueles que não buscam o que querem” - trecho do livro de Joseph Pilates.


Destaques
Recentes

© 2017 por VidAtiva. Orgulhosamente criado por Galatium Publicidade